Corredor Arte recebe a exposição Relatar.Amar

No mês de novembro, o Corredor Arte do Hospital Escola da Universidade Federal de Pelotas (HE UFPel) recebe a exposição “Relatar.Amar” de Nathalia Freitas, com fotografias de mães e gestantes. As peças, que representam o universo feminino e são o foco do trabalho da fotógrafa, permanecerão expostas até o dia 30, com horário de visitação das 7h às 22h. O Corredor Arte fica na rua Professor Araújo, 538, no térreo no HE.

De acordo com a fotógrafa, foram capturadas imagens de gestantes que realizaram pré-natal no HE em 2019, quando cerca de 20 mães participaram do seu projeto, que contou com a parceria da decoradora Mara Rocha e da maquiadora Rosi Becker. “O apoio da equipe do hospital foi fundamental para desenvolver o trabalho”, afirmou Nathalia, ao agradecer a colaboração da psicóloga Amanda Leite e da profissional de educação física, Lidiane Pozza.

Nathalia possui um projeto que envolve as gestantes internadas na Maternidade do HE, chamado “Relato de Amor”. Gestantes e puérperas lactantes são selecionadas, respeitando as condições físicas de cada uma, para uma sessão de fotos. As participantes ganham a cópia das imagens tratadas e em alta resolução. “É maravilhoso poder proporcionar esse momento às mamães. Muitas delas talvez não tivessem condições de registrar esse momento tão especial por estarem internadas”, acrescentou.

Sorteio

Ao prestigiar a exposição, o visitante poderá concorrer a um ensaio fotográfico, oferecido pela expositora. Para participar do sorteio, basta doar um pacote de fraldas descartáveis, preferencialmente tamanho RN, que serão entregues à maternidade do hospital. “Essa foi a maneira que eu encontrei de oferecer algo de bom ao hospital, através do meu trabalho e também uma forma de agradecer a parceria”, acrescentou Nathalia. As doações devem ser entregues na portaria principal, onde será entregue um cupom para o sorteio.

O projeto

O HE recebe a visita da fotógrafa duas vezes por mês para a sessão de fotos. Neste dia, o hospital cede um local para a atividade e a equipe da maternidade auxilia na seleção e no acompanhamento das participantes durante as fotos.

O projeto teve início no final de 2017 e almeja realizar esses ensaios fotográficos para a produção de um calendário, que será comercializado, visando arrecadar fundos para melhorias nas enfermarias da maternidade do HE. “Para que isso aconteça, ainda estamos em busca de parcerias para a produção do material”, concluiu Nathalia.

Segundo a fotógrafa, o projeto visa aumentar a autoestima das gestantes e estimular as mães na amamentação. “Este momento lindo da vida de cada uma delas merece um registro de amor, com o objetivo de levar um momento doce e de tornar mais suave uma fase difícil que elas estão passando”, acrescentou.